Projeto de Traduções do CD

PIX: [email protected]
[5, 10, 20, 50, 100]

Olá amigos e amigas! O Portal Crítica Desapiedada é um espaço independente e todo o material que disponibilizamos é gratuito. Com o intuito de reforçar a luta cultural, solicitamos voluntariamente o seu apoio para que possamos executar nosso planejamento, ancorado nos objetivos explicitados no Quem Somos Nós?, cuja finalidade é colocar à disposição dos leitores e leitoras uma diversidade de textos inéditos em português. Temos o propósito de divulgar o marxismo e suas grandes correntes ao longo da história, como o comunismo de conselhos e o marxismo autogestionário francês, e em relação à luta política no capitalismo contemporâneo, almejamos ampliar a análise das lutas da classe operária em diversos lugares do mundo (Estados Unidos, Irã, China, Alemanha, México, etc.), bem como as discussões urgentes dos problemas do capitalismo em suas múltiplas determinações (a questão ambiental, feminina, psíquica, as guerras e a crise de acumulação, a repressão estatal, etc.). Para reforçar esse compromisso político do Portal, contamos com a sua ajuda. De forma voluntária, você pode contribuir com 5, 10, 20, 50, 100 reais e estaremos utilizando esse dinheiro para ampliar o trabalho de tradução.
Assim, reafirmamos o projeto duradouro do Portal em seu lema: a crítica desapiedada do existente. Este é o guia fundamental que orienta o desenvolvimento do projeto de traduções: a crítica da totalidade da sociedade capitalista na perspectiva revolucionária. A crítica desapiedada manifesta-se em artigos, podcast’s, vídeos, etc. e nas inúmeras traduções que contribuem para a negação da sociedade existente e afirmação de outra (a sociedade autogerida). Agradecemos a todos e todas que acompanham o Crítica Desapieda!!

Todo o trabalho de Tradução feito pelo Crítica Desapiedada (de 2020 em diante) pode ser consultado em:
Traduções

Planejamento de Traduções CD (2022): Comunismo de Conselhos (Paul Mattick, GIC e Spartacus); Análises e informações sobre os conselhos (Bourrinet, Rachleff, Gilles-Peters, Shipway, Baum, Bricianer, Ragona & Quirico); Tendências Políticas Contemporâneas (Emanuel e Fredo Corvo)

Listamos aqui as traduções fundamentais no ano de 2022. A contribuição financeira ao Portal ampliará essa lista com mais artigos inéditos em português de autores como Pannekoek, Gilles Dauvé, Tristan Leoni, Aufheben, Solidarity, Paul Mattick etc.

JANEIROEm Defesa da Decadência – Emanuel Santos
FEVEREIROO Grupo de Comunistas Internacionalistas na Holanda (Parte I) – Philippe Bourrinet
Teses sobre os Núcleos Revolucionários da Empresa, sobre o Partido e a Ditadura – Grupo de Comunistas Internacionalistas (GIC)
MARÇOO Nascimento do GIC (1927-1933) (Parte II) – Philippe Bourrinet
ABRILA Velha Dialética Hegeliana e a Nova Ciência Materialista – Karl Korsch
Psicanálise e Movimento Social – Serge Bricianer
Prefácio do livro China: Estagnação do Crescimento, Aumento das Revoltas e Greves – Fredo Corvo
MAIOO que há por trás do “New Deal”? – Paul Mattick
Serge Bricianer: Biografia e Bibliografia
Tarefas e Características do Novo Partido – Liga Comunista “Spartacus”
JUNHOA Necessidade Econômica do Imperialismo – Pannekoek
A Teoria do Valor – Pannekoek
Modernismo e comunismo antibolchevique: os progressistas de Colônia – Paul Mattick Jr.
JULHOArbeit und Muße – Pannekoek
Comunismo de Conselhos – Mark Shipway

Do Liberalismo ao Fascismo – Paul Mattick
Über Arbeiterräte – Pannekoek
AGOSTOCouncil Communist Theory – Peter J. Rachleff
The Frankfurt School and Council Communism – Felix Baum
SETEMBROSelf-Management and Communism Paul Mattick (1904–1981) – G. Ragona & M. Quirico
Staatssozialismus – Pannekoek
OUTUBROIntroduction to Pannekoek – Serge Bricianer
NOVEMBROAuthority and Democracy in the United States – Paul Mattick
The Party and the Working Class – Paul Mattick
DEZEMBRODie Krisen und der Sozialismus – Pannekoek
Die Massenstreikdebatte – Pannekoek

The Idea of the Commune – Paul Mattick