Live Experiências de Luta: A Correlação de Forças durante a Comuna de Oaxaca no México – Diego Marques

No próximo sábado, dia 26 de setembro, realizaremos um debate com o militante autogestionário Diego Marques sobre “A Correlação de Forças durante a Comuna de Oaxaca no México”. A live faz parte das atividades virtuais realizadas pelo Portal Crítica Desapiedada, visando a formação marxista nesse período de quarentena.

Data: 26/09
Horário: 15 Horas
Ative o lembrete da Live em nosso canal do Youtube:
Link

Sinopse:

A Comuna de Oaxaca foi um processo de insurreição popular ocorrido no Estado homônimo localizado na região sul do México no ano de 2006. Entre os meses de Maio e Novembro a cidade esteve sob controle da população e da organização Assembleia Popular dos Povos de Oaxaca (APPO), tendo expulsado as autoridades estatais que se refugiaram em um quartel militar nas proximidades da cidade. Várias forças políticas atuaram no interior dos eventos que formaram a Comuna de Oaxaca, sendo que distintas posições disputaram a hegemonia e a direção da insurreição popular. Interviram na dinâmica da insurreição popular organizações como sindicatos, organizações estudantis, organizações de mulheres, organizações políticas, partidos políticos. A insurreição popular, a intervenção das organizações, a reação das autoridades estatais são elementos que indicam a correlação de forças que atuaram nos episódios da Comuna de Oaxaca. Vamos descrever e analisar a atuação dos diferentes grupos e organizações (civis e estatais) com o objetivo de questionar se a Comuna de Oaxaca foi verdadeiramente uma comuna antes de morrer nas mãos da violenta repressão estatal.

Para mais informações sobre o palestrante:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*