Live Autogestionária: Sindicalismo – Da Expectativa Revolucionária à Conformação Burocrática

A gravação pode ser acessada em:
Link

No sábado, dia 16 de maio, às 19 horas, realizamos um debate com o militante autogestionário José Santana sobre “Sindicalismo – Da Expectativa Revolucionária à Conformação Burocrática”. A live fez parte das atividades virtuais realizadas pelo Portal Crítica Desapiedada, visando a formação revolucionária nesse período de quarentena. O discord é a ferramenta virtual que utilizaremos e ela pode ser acessada no seguinte link:
https://discord.gg/2BPuBHh

Sinopse

O sindicalismo surgiu como produto da luta dos trabalhadores e foi considerado uma promessa de contribuição para o processo de autoemancipação dos trabalhadores. A expectativa revolucionária em torno dos sindicatos foi se perdendo com o passar do tempo e com a burocratização dessas organizações. Posteriormente, os sindicatos passaram a ser criticados por sua burocratização e conservadorismo crescentes. José Santana da Silva aborda justamente o processo de análise dos sindicatos por autores que se tornaram célebres na discussão sobre as organizações sindicais e o sindicalismo, desde Karl Marx, passando por Lênin e Trotsky, até chegar a Anton Pannekoek. A presente obra é leitura fundamental para quem quer compreender as principais análises marxistas e pseudomarxistas dos sindicatos, bem como o seu significado nas lutas de classes contemporâneas.

Para adquirir o livro recém lançado do José Santana: https://livrariaredelp.loja2.com.br/9431441-Sindicalismo-Da-Expectativa-Revolucionaria-a-Critica-da-Conformacao-Burocratica

Material de Estudo

  • José Santana – Sindicalismo Da Expectativa Revolucionária à Crítica da Conformação Burocrática
  • Nildo Viana – Anton Pannekoek e a Questão Sindical
  • Karl Marx e Friedrich Engels – Sindicalismo

Entrevista: Sindicatos e Sindicalismo

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*